segunda-feira, 11 de julho de 2011

Algumas coisas que eu aprendi lendo Harry Potter…

Harry Potter vem acompanhado minha vida já há bastante tempo. Foi junto dessas histórias que eu passei toda a minha transição entre criança e adolescente. Mas todo esse tempo lendo esse livros teria valido muito pouco se eu não tivesse aprendido alguma coisa. Ao contrario, lendo os livros da série Harry Potter aprendi muitas coisas, então resolvi listar algumas delas aqui no Fantasia BR. Sei que muitos fãs da série vão se identificar com alguns desses itens. São coisas que contribuíram para definir o que sou hoje, fazem parte da minha história e que vou eternamente levar comigo.

lendo harry potter

Os livros grossos são os melhores

Antes de ler A Pedra Filosofal eu passava longe dos livros mais cheinhos. Para mim era uma tortura ter que passar mais de uma semana lendo o mesmo livro. Agora sempre que vou ler um livro penso que com os livros maiores minha diversão via durar mais. Livros em série são melhores ainda, multiplica ainda mais essa possibilidade. Tudo culpa do Harry.

Encontrar amigos

Através dos livros da série Harry Potter já encontrei e reencontrei diversos amigos. Gostos em comum juntam as pessoas e foi por meio das histórias de Potter que eu conheci meu melhor amigo e diversas pessoas interessantes. Conseguir convencer os outros a ler Harry Potter foi uma tarefa um pouco difícil, mas depois de cumprida era sempre uma recompensadora. Devo ter passado metade da minha pré-adolescência discutindo assuntos relativos a Harry Potter. Harry tem mesmo o dom de juntar pessoas.

Os dias letivos na Inglaterra

Para mim sempre era estranho as aulas em Hogwarts começarem em setembro. Mas acabei entendendo que outra culturas tem formas diferentes de ver o passar do ano e que o clima de lá influencia muito isso.

A escola pode ser legal

Por mais que eu sempre tenha detestado a escola, aprendi com Harry que com os amigos tudo pode se tornar mais suportável. Mas em um castelo e com disciplinas como Feitiços e Transfiguração que escola pode ficar chata? De qualquer forma a Hermione me mostrou que todo esforço tem sua recompensa.

Sobre o dia e a noite no hemisfério norte

Outra coisa que eu achava curiosa quando iniciei a leitura dos livros era Harry, Rony e Hermione fugirem do castelo para a casa do Hagrid as nove na noite com o sol ainda se pondo. Para mim isso era irracional. Onde eu moro o sol se põe as seis! Nada que umas aulas de geografia não resolvessem.

Quem têm amigos têm tudo

Confessemos que o Harry nunca foi um gênio. Sem o Rony e principalmente sem a Hermione ele não teria sobrevivido nem ao primeiro livro. O trio formava uma equipe imbatível. E é assim a vida, sozinhos não podemos ir muito longe. Essa é uma lição que eu levo para minha vida inteira.

darth4

As aparecias enganam

Toda a série Harry Potter é lotada de exemplos desse tipo. Quirrel, Moody, Umbridge, Sirius Black… Mas em toda a série Snape é o maior de todos, muito embora tenhamos nos surpreendido bastante com Dumbledore no último livro. Quase todos os personagens tiveram seus momentos para se revelar de alguma forma. Foram mais fortes do que acreditávamos, mais amáveis do que julgávamos serem capazes, mais cruéis do que pensávamos, mais todos do que pareciam. Harry me ensinou a não julgar pois estamos fadados a erros.

Lutar pelo que se acredita

A luta de Harry contra a Umbridge e ao Ministério da Magia, só não foi maior do que a luta contra o próprio Voldemort. Brigar com todas as forças pelo que se julga certo foi algo presente em toda a série e acho que o que mais se entranhou em mim em todos esses anos em que acompanhei a história de Harry. Os supostos aliados podem virar inimigos, todos podem ficar contra você, mas mesmo assim se você acha que está fazendo o que julga ser certo, não pare. Foi isso que Harry fez e me ensinou a fazer.

O mundo dá voltas

Pequenas passagens, como a paixonite de Gina por Harry desde A Pedra Filosofal, cresceram muito nos últimos livros. Um pequeno rato de estimação ser o traidor de Lilian e Tiago Potter. A falta de paciência de de Rony com Hermione virar uma paixão. A verdadeira dança por qual passou a varinha das varinhas de Dumbledore até Harry. Sempre me pego pensando nessas coisas ao lembrar da história e sempre acho equivalente ao mundo real.

 

Vou parar por aqui. Poderia ter colocado muitos itens nessa lista (ideias não faltaram), mas como a lista estava ficado muito grande parei por aqui mesmo.

E você, o que aprendeu ao ler Harry Potter?

3 comentários:

Blog maravilhoso! Parabéns *-* Adoramos!

Visita? http://allstargt.blogspot.com
TEM SORTEIO, CORRE LÁ! :)
xoxo

Obrigado pelo comentário
Fico superfeliz que tenha gostado do blog!
Abraço

Postar um comentário